Translate

quinta-feira, 5 de março de 2015

Ainda sobre o Livro dos Espíritos


O livro dos Espíritos tem características marcantes:

1- rejeita tanto o dogmatismo religioso quanto o científico e propõe uma fusão experimental de ideias e conceitos, que reavaliam o homem é o mundo;

2- expõe, com simplicidade, mas sem a ingenuidade dos livros santos, os pontos essenciais para a criação de uma nova sociedade;

3- estimula a pratica da moral evangélica, que adota como norma, expungindo-a, todavia, de seus contornos obscurantista;

4- restabelece a crença em Deus, sem incorrer no erro de defini-lo , mas provando sua existência pelas leis que regem a vida moral do universo;

5- descreve a vida do Espírito como uma realidade atemporal, por isso imortal, permanente e explica como esse ser inteligente pode progredir sempre, nascendo e renascendo;

6- mostra que a coletividade terrena pertence a uma humanidade espiritual, que habita alternadamente o plano físico e que chega pelo nascimento e o plano extrafisico em que penetra pela morte, volvendo, depois ao campo físico, no processo reencarnacionista, em espiral evolutiva permanente e que essa humanidade, visível e invisível se entrelaça, interage e se comunica pelas vias mentais, extensivamente, pela mediunidade ostensiva ou não;

7- aponta a Esperança, fundamentalmente em bases concretas sobre o destino de cada homem e das coletividades, reconhecendo que deverão encontrar, pelo próprio esforço, no tempo e no espaço, o seu próprio caminho, mostrando que somente a moralização é capote indicar esse caminho de forma definida.

Livro de Jaci Regis - DO HOMEM E DO MUNDO pg. 12/13

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por sua mensagem. Será publicada após aprovação.

imprimir pdf