Translate

quarta-feira, 7 de março de 2018

O VALOR CIENTÍFICO DA PRECE

 A Prece - Definição
Segundo Emmanuel,
 A prece é a forma mais sublime de expansão do sentimento humano, partindo da criatura ao Criador.
 Ou como nos ensina Isabel Campos,
O fio milagroso da nossa comunhão com os planos elevados.
Conquanto sejam exatas as definições acima apresentadas preferimos nos deter numa outra, formulação também por Isabel Campos (Carta do Coração - psicografia de F.C.Xavier) que nos ensina o seguinte:
"A prece é como que uma escada invisível, por onde subimos aos mais altos campos da experiência humana. Por intermédio dela, nossa alma recebe forças multiplicadas e só mesmo junto a essa fonte bendita, poderemos encontrar o suprimento de energia com que vamos vencendo aos provas redentoras".
As definições apresentadas são auto-explicativas e dispensam complementações. Passemos assim para o nosso tópico sequente onde falaremos alguns comentários proveitosos sobre o assunto.

Comentários
Conforme acabamos de ver é através da prece que nos colocamos em estreito contato com a espiritualidade superior, advindo, em consequencia, uma série de benefícios para quem ora. Trata-se, indubitavelmente, de um dos mais eficientes recursos de que dispomos na luta de cada dia.
Subindo pela escada invisível, estaremos analisando o assundo por outro lado, em melhores condições de rogarmos pelos nossos semelhantes, levando-lhes valiosos benefícios.
Tratando-se de uma expansão do sentimento, concluimos que não existem posições especiais para proferí-la, e deduzimos também que não são as palavras que tornam a oração mais ou menos poderosa, conforme nos ensina a parábola do publicano e do fariseu.
Toda prece deve ser feita como coração e não com os lábios.

Os Resultados da Prece
Muitos se decepcionam e desacreditam do valor da prece pela ausência de resultados em casos específicos. Recordemos, contudo, que o resultado da prece não vem sempre na forma de um manjar celeste; muitas vezes, ao rogarmos, somos atendidos na forma de duras lições que nos trarão enorme proveito. Convidamos os Aprendizes à leitura da lição de Irmão X do Livro "Luz Acima"intitulada "A Proteção de Santo Antônio" 

"A Prece, diz-no Emmanuel, no seu livro que o tem o seu nome, deve ser cultivada, não para que sejam revogadas as disposições da lei divina, mas a fim de que a coragem e a paciência inundem o coração de fortaleza, nas lutas ásperas, porém necessárias".
Lembremos que muitos, ao orarem limitam-se a conjugar o verbo pedir; consideremos, entretanto, a admiravél lição extraída do livro "Renuncia", também da autoria de Emmanuel:
"Naturalmente que deveremos apelar para os céus, mas, ao interpretar a prece como rogativa, não deveremos ir além do "Pai Nosso", porque, acima de tudo, julgo que a oração deve ser um esforço para melhorarmos".

Recordemos ainda que Jesus em uma das suas assertivas disse-nos:
 "Tudo o que pedirdes em meu nome ser-vos-á concedido",
ora, pedir em nome de Jesus é pedir em benefício dos nossos semelhantes e não em nosso próprio.

Contudo é o próprio Emmanuel que volta a nos dizer que adiante das grandes dores, uma coisa será lícita solicitarmos: esclarecimento.
É evidente que temos que começar pelos primeiros degraus e, em seguida, irmos subindo até chegarmos ao Criador.

Novamente, a Escada

Voltando à feliz comparação de Isabel Campos referimo-nos à figura abaixo que bem ilustra a sequência lógica que devemos seguir ao nos elevarmos até o Pai.

DEUS - PLANO DIVINO
JESUS - ESFERA CRÍSTICA
MARIA DE NAZARET PROTEÇAO PATROCÍNIO
ISMAEL - DIREÇAO NACIONAL
RICARDO DIREÇÃO NANCIONAL
FRATERNIDADES -AUXILIO- COLABORAÇÃO
INSTRUTORES -GUIAS - TRABALHOS PRÁTICOS
PROTETORES PESSOAIS - SEGURANÇA - AUXILIO

Torna-se muito difícil entendermos o Dirigente que chega as Centro após ter "vencido"as inúmerias barreiras do trânsito, dos ponteiros do relógio, da poluição, etc.. e de imediato ligar-se ao Criador!

A Prece - Complementação

Encerrando o assunto referene à prece lembremos que o nosso Divino Amigo exortou-nos à oração e à vigilancia. O que significa vigiar?
É André Luiz que nos responde na "Agenda Cristã" :
 'Vigiar não é desconfiar. É ascender a propria luz, ajudando os que encontram nas sombras".
 Esclarecendo-nos que vigiar é ,antes de uma atitude de alerta, uma ação positiva onde procuramos identificar o semelhante que necessita de nossa ajuda.
Finalizando com uma preciosa lição do livro "Boa Nova" de Irmão X que deverá permanecer indelével em nossa mentes:

"É necessário, portanto, cultivar  a prece, para que ela se torne um elemento natural da vida, como a respiração. É indispensável conheçamos o meio seguro de nos identificarmos com o Nosso Pai."

Extraído do livro - Iniciação Espírita - Fraternidade dos Discípulos de Jesus - Coordenação Edgard Armond

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por sua mensagem. Será publicada após aprovação.

imprimir pdf