Translate

sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

Mediunidade de Cura

QUAIS OS CUIDADOS QUE SE DEVE TOMAR PARA QUE O MÉDIUM CURADOR NÃO SE APRESENTE COMO UMA CURANDEIRO E NÃO ESTEJA ENQUADRADO NO CÓDIGO PENAL, PELA PRÁTICA ILEGAL DA MEDICINA?

Divaldo Pereira Franco responde:

Primeiro, que ele estudo a Doutrina Espírita, porque todo e qualquer médium que ignore o Espiritismo é alguém que caminha em perigo.

Por que é alguém que caminha em perigo?

Porque aquele que ignora os recurso que possui, que se desconhece a si mesmo, é incapaz de realizar um trabalho em profundidade e com equilíbrio. Se estuda a Doutrina, fica sabendo que a faculdade de que se encontra revestido é temporária, é o acréscimo de responsabilidade, também uma provação, na qual ele estará sendo testado constantemente e deve sempre, e cada exame, lograr um resultado positivo.

Depois de se dedicar ao estudo da Doutrina, deve se vincular a um Centro Espírita, porque um dos fatores básicos do nosso comportamento é a solidariedade, em trabalho de equipe. Estando  a trabalhar num Centro Espírita, ele estará menos vulnerável às agressões das pessoas frívolas, irresponsáveis, dos interesseiros; terá um programa de ação, em dias e horas adrede estabelecidos. Então, não ficará à mercê da mediunidade, em função dela, mas será um cidadão normal, que tem seus momentos de  atender, trabalhando para viver com dignidade e renunciando as suas horas de descanso em favor do ministério mediúnico.

Para que ele se poupe de ficar incurso no Código Penal, deve fazer o exercício da mediunidade sem prometer, sem anunciar curas retumbantes, porque estas não podem ser antecedidas, e a Deus pertence, e não retire da mediunidade nenhum proveito imediato, porque o curandeirismo implica em exploração da ingenuidade do povo, da superstição e da má-fé. Se ele é dotado de uma faculdade mediúnica, seja qual seja, dentro de uma vida regular e equilibrada, preservar-se-á a si mesmo. Se, eventualmente, for colhido nas artimanhas e nas malhas da Lei, isto será consequencia da Lei Divina.

Que ele saiba pagar o preço do ministério que executa, que lhe foi confiado pelo Senhor.

Livro Diretrizes de Segurança cap 23

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por sua mensagem. Será publicada após aprovação.

imprimir pdf